Qual é o Problema do Spoiler? – Do Amor ao Ódio Em Menos de 180 Caracteres!

Se tem uma coisa que sempre é motivo de briga e polêmicas seja na internet, seja na vida real, é o tal do spoiler!

Mas o que é spoiler?

Spoiler é o ato de revelar um segredo ou fato de uma determinada história. Spoiler, do inglês, para aquele que estraga ou aquele que subtrai deteriorando, degradando, dilapidando ou depredando algo. 
Ou de maneira mais simplificada, spoiler é quando aquele seu amigo sacana te conta o final do filme que você tanto queria ver! HAHAHA

spoiler-copy

Tá, mas por que o spoiler irrita (ou diverte) tanta gente?

Vamos definir como “spoiliador” o cara que faz o spoiler para fins de entendimento, ok?! Basicamente, o spoiler está inversamente ligado ao que chamamos de elemento surpresa, que geralmente é o ponto alto ou de revelação de uma história.

Quando a turma do Scooby Doo descobria que o fantasma misterioso era um cara fantasiado estava revelado o elemento surpresa da história. Assim como quando descobríamnos que os assassinos dos livros da Agatha Cristie eram os mordomos e que a Leila era quem matou a Odete Roitman (essa é velha, hein?! Fala aí!).

imagesQuando se escreve um roteiro, seja ele de filme, livro, série, campanha de RPG etc, o roteirista leva em consideração diversos tópicos que vão ajudar a conduzir a história. Temos o que chamamos de Plot Twist, que é quando tem aquela reviravolta na história que ninguém esperava. Outro termo muito usado também é o Cliffhanger, que numa tradução literal sera “beira do abismo”, que é aquele momento do vai ou racha, quando a história chega em um momento critico e prende a atenção do expectador.

Todas essas ferramentas narrativas estão ligadas ao elemento surpresa. É nesse momento que o spoiler pode estragar uma toda experiencia. Pois dependendo da história, tudo gira em torno de você não saber ou esperar um determinado fato.

O ato de dar spoiler não é nada novo. Quem nunca entrou numa locadora, na época das finadas fitas cassetes, escolheu o filme e quando chegou no balcão pra pagar o infeliz que está bem atrás de você solta um: “Nossa, já vi! Muito bom esse filme, pena que todo mundo morre no final!”

Agora imaginem o quanto a internet aumentou esse tipo de ocorrência de forma exponencial. Somos impactados por milhares de mensagens todos os dias e em diversas redes sociais e canais de comunicação. É muito difícil filtrar o tipo de conteúdo que chega até a gente, colocando todos a mercê dos spoiler.

O spoiliador atual geralmente tem um quadro bem definido de argumentos.

Argumentos do Spoliador Moderno

Ok, vamos discutir isso aí.

Não quer ter spoiler, não entra na internet é uma das coisas mais sem sentido que se pode dizer. Isso valida que qualquer tipo de conteúdo pode ser publicado e que se você acabou vendo a culpa é exclusivamente sua. O engraçado é que as vezes o mesmo cara que acha que pode dar spoiler tranquilamente reclama de quem posta foto de animal morto na timeline, ou cria um post reclamando de religião, futebol, BBB etc.  Meio incoerente, não acham? A responsabilidade pelo conteúdo é sempre do emissor e não do receptor.

Não tenho culpa se você não viu antes é outro argumento clássico! Sabemos que hoje em dia o ritmo de vida é bem mais frenetico, mas algumas medidas de tempo são bem ridículas. O episódio de uma série que passa domingo a noite já é debulhado em históricos na segunda feira de manhã! E não importa se você estava dormindo para trabalhar no outro dia, ou se está estudando loucamente para aquela prova de Cálculo 4 do seu professor de Física carrasco. O spoiliador espera que você seja como o Jack Bauer da vida real e consiga fazer tudo em 24 horas. Afinal, se ele pode você também pode!

O Facebook (insira também outras redes sociais) é meu e eu posto o que eu quiser é outra que não sai da boca da galera. Tecnicamente sim, você está certo jovem gafanhoto. Mas a coisa nem sempre é assim. Isso volta lá em cima quando falamos da responsabilidade do emissor na propagação do conteúdo. Imagine a sua rede de amigos como pessoas que te seguem por gostar de você ou se interessarem em coisas legais que você divulga ou comenta. Quando você usa esse discurso individualista quer dizer que ninguém é obrigado a te seguir. Agora imagine uma rede social que ninguém te seguisse, para quem você iria falar? Ou se você não quer falar pra ninguém em específico e apenas “desabafar”, por que usar uma rede social? Não é melhor ter um caderno ou diário? Acho que rede “antisocial” se encaixa melhor nesse caso.
Isso sem contar a grosseria que é você dizer “não gostou me exclui, você não é obrigado a me seguir” quando que na verdade foi VOCÊ quem adicionou aquela pessoas as vezes. Coisa feia, hein?!

Mas o pior de todos é o Que exagero, saber disso não vai estragar a história. Claramente é um discurso onde a pessoa afirma saber o que é melhor pra você ou não, certo?! Afinal, se ela já sabe daquele fato e ficou satisfeita, por que você deveria não saber? As reações serão sempre iguais, não é mesmo? Afinal, somos todos iguais #ironia
Não, galera. Cada história toca um expectador de maneira diferente. As vezes aquela passagem que pra você significou muito, pra outra pessoa é banal. E vice versa.

game-thrones-spoilers

Mas agora vamos fazer uma defesa dos spoiliadores aqui.

Quer dizer que o cara não pode comentar sobre uma determinada história? Não pode trocar uma idéia com outras pessoas ou discutir uma teoria só porque mais gente ainda não viu?

Não, isso não seria justo! Mas resposta é muito simples: basta usar o bom senso!
Deixar de dar um spoiler não significa estar privado do debate. Procure aqueles que, como você, já conhecem os fatos e debata entre si. Avise em seus posts que ali existe conteúdo com spoiler. Evite postar imagens e memes que dão a entender alguma coisa. Porque no fim das contas o cara que recebeu o spoiler continua ainda assim sem ter visto o fato original e não vai poder debater com você do mesmo jeito, não é mesmo?

spoiler_t-2

Por fim, pensem em algumas boas histórias que você já viu por aí e como não saber das coisas foi gratificante no momento da revelação. Ah, sim! Mesmo depois disso tudo que falamos aqui existe aquele cara que se diverte em dar spoiler gratuitamente. Não porque quer comentar, mas só pra tirar uma com quem não viu ainda.

Mas aí nesse caso não é bem um spoiliador. É um troll. E todo mundo sabe que não se deve alimentar os trolls.

Outros Posts interessantes:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *